Home //

Projetos inscritos

Grande parte da programação do Festival será composta por projetos selecionados na Chamada Pública. Aqui você pode saber mais sobre os 358 projetos inscritos, de quase todos os Estados do Brasil e dos cinco continentes. Um qualificado mapeamento de projetos, ideias e redes com atuação destacada e inovadora nas áreas de cultura, política e tecnologia.

  • Telejornalismo, Convergência e Interatividade

    Mostra de Experiências //

    Telejornalismo, Convergência e Interatividade

    Apresentar de forma não-convencional os resultados de minha dissertação de mestrado. Através da apresentação de vídeos e diálogos com o público traçar um perfil histórico e cultural do jornalismo como instituição social e da TV como tecnologia e forma cultural ao mesmo tempo. Discutir o impacto da internet no cenário audiovisual brasileiro, o advento da [...]

  • URUBU

    Visualidades //

    URUBU

    URUBU é composto pela dupla Daniel Lie e Marina Sarno, estudantes do curso de Artes Visuais da UNESP. Os artistas se propõem a criar uma experiência livre, aberta e sensorial através do acontecimento audiovisual/performático e coletivo de imersão no lugar deslocado, antropofágico e artístico, encontrando na estrutura Vj/Dj o melhor suporte até então. O URUBU [...]

  • brainwash

    Oficinas // Visualidades //

    brainwash

    BrainWash é uma performance-instalação multimídia, que utiliza como ferramenta de controle um leitor de ondas cerebrais (EEG home-made que capta as frequências de relaxamento e concentração do performer-usuário), para manipular os movimentos de uma máquina de lavar roupas encarcerada em uma caixa transparente. Os sons e ruídos produzidos pela movimentação (ora suave, ora brutal) da [...]

  • Tavolo

    Visualidades //

    Tavolo

    «Quando haveremos de viver, se não agora?» perguntava Séneca diante de uma mesa posta para seu regalo e dos seus amigos. Trata-se de uma pergunta, cuja resposta pode ser iludida com muita facilidade. Na verdade quando? Estamos vivos, agora. Em que outra altura poderemos viver, e com que maior satisfação do que ceando em agradável [...]

 

Please log in to vote

You need to log in to vote. If you already had an account, you may log in here

Alternatively, if you do not have an account yet you can create one here.