Home // Projetos inscritos //

Espaço Macambira

http://labmacambira.sourceforge.net/

projeto inscrito por Daniel Marostegan, Renato Fabbri e Pedro Macambira

A proposta consiste em construir um espaço de vivência durante o Festival de Cultura Digital, no qual a produção e as ideias que vem sendo gestadas dentro da experiência do Lab Macambira sejam apresentadas e possam interagir com outras propostas e concepções gestadas por outras redes, coletivos e indivíduos.
o Lab Macambira é um grupo de programadores reunido para suprir demandas estratégicas de desenvolvimento de software que possuem alta demanda social. A atuação tem duas frentes: 1) desenvolvimento web e 2) audiovisual. Todas as linhas de código desenvolvidas pela equipe são disponibilizadas na rede, configurando o que é chamado de desenvolvimento em código aberto, no qual toda e qualquer pessoa tem acesso ao código podendo utilizá-lo para suas atividades e adaptá-lo às demandas que precisar. Outra característica marcante do Lab Macambira é o AA, um sistema de cooperação mútua regulado algoritmicamente para que a iniciativa do Lab Macambira seja facilmente replicável. Através de suas propostas sólidas construídas com anos de trabalho junto a diversas comunidades e coletivos em âmbito nacional, e também através do AA, o Lab Macambira, que se localiza em São Carlos/SP, já recebeu pedidos e propostas para que
se expanda para outras localidades como São Paulo/SP, Campinas/SP, Santarém/PA, e Curitira/PR. Uma parte importante da metodologia empregada pelo Lab Macambira é o período de treinamento. Logo que um desenvolvedor de software iniciante é vinculado ao grupo, ele aprende tecnologias de ponta para desenvolvimento distribuído, especialmente o Git1. Em seguida vem uma parte importante de sua iniciação: a tarefa de resolver algum problema (bug) de algum programa livre utilizado em larga escala no mundo todo2. Este treinamento é muito parecido com o utilizado pela Google e outras empresas afeitas ao uso de software livre.
Veja os programas alterados pelo Lab Macambira em: http://wiki.nosdigitais.teia.org.br/Lab_Macambira#Tabela_das_Nossas_Contribui.C3.A7.C3.B5es_a_Softwares_Livres_Externos

Objetivo
Geral: Expor e fomentar as tecnologias sociais desenvolvidas pelo Pontão de Cultura Digital Nós Digitais através do Lab Macambira.
Específicos:
Compartilhar as tecnologias desenvolvidas, especialmente as dedicadas à gestão de coletivos difusos e articulação da sociedade civil.
Estabelecer parcerias com outros coletivos que intentem a apropriação tecnológica.
Iniciar o uso de algumas ferramentas como o SOS, o Cadastro de Ideias, a Plataforma de Economia Criativa, etc. (famoso v-zero)
Desenvolver durante o festival algumas funcionalidades em software livre em conjunto com os participantes do FICD e em cima de demandas levantas pelos mesmos.
Expor sobre a experiencia do Lab Macambira
Enriquecer as concepções do Lab Macambira com as intervenções e feedbacks de outros participantes e coletivos
Propiciar um espaço de exploração estética de tecnologias abertas através de conhecimentos específicos e práticas como livecoding e da utilização da Airhacktable

Para consolidar estes objetivos, idealizamos um local no qual possamos montar espacialmente as propostas desenvolvidas pelo Lab, de forma a conformar áreas de convívio entre os participantes, para que todos possam interagir com as idéias apresentadas. Sendo elas:
Interações Web. Apresentação de softwares desenvolvidos pelo Lab de forma colaborativa com outros agentes da rede, tais como: Ágora Communs – software desenvolvido para viabilizar deliberações online por grupos espalhados pelo território; SOS – software desenvolvido para registrar o conhecimento difuso sobre medicina popular, consolidando um rico banco de dados de fácil consulta sobre soluções naturais para a saúde humana; Catálogo de Idéias – software desenvolvido para proporcionar a participação social na construção de políticas públicas ou outras aplicações ligadas à necessidade de sistematizar idéias criativas; Economia Criativa – sotware desenvolvido para construir um banco de dados sistematizado sobre os produtos e serviços que os coletivos culturais desenvolvem, com a finalidade de fortalecer a construção de uma nova economia;
Interações com áudio e vídeo. Airhacktable – aparato musical que produz interações sonoras a partir do movimento de objetos de papel (origamis) em uma mesa de vento, a imagem do objeto em movimento é mapeada em algorítmos que produzem som. Livecoding – performance em tempo real através da escrita de código no momento da performance.
Desenvolvimento de software durante o evento: muito provavelmente ocorrerão em formatos de mini-maratona e bug party.
Convivência entre participantes do FICD em uma bancada de hacklab.

Sendo o Lab Macambira um coletivo consideravelmente grande, os intuitos de participação estarão em pleno desenvolvimento inclusive durante o festival. As formas de participação estarão disponiveis em um pad dedicado (http://pontaopad.me/espaco-macambira).

Foi feito um novo documento expositivo do Macambira:

http://ubuntuone.com/5SuJUfmM6cVIYmEMMtw6NP

Outro documento, com ilustrações e diagramas, está aqui:

http://ubuntuone.com/p/1AYS/

Segue _alguns_ links a nós relacionados:

* Estamos na casa dos 350 videos no vimeo:

http://vimeo.com/channels/labmacambira

* Nosso Trac de dev:

http://sourceforge.net/apps/trac/labmacambira/

* Nossa página principal que dá para a wiki e para o nosso espaço no Sourceforge:

http://labmacambira.sourceforge.net/

* Apresentação do Lab meio antiguinha mas adiantada, ao menos o primeiro parágrafo vale muito:

http://www.teia.org.br/tecnologias-sociais-lab-macambira.html

* Nossa wiki, com tabelas de Softwares externos (como Evince, Echiga e Empathy) com os
quais contribuimos, desenvolvimentos nossos, estudos e articulações:

http://wiki.nosdigitais.teia.org.br/Lab_Macambira

Comentários

 

Please log in to vote

You need to log in to vote. If you already had an account, you may log in here

Alternatively, if you do not have an account yet you can create one here.